DESTAQUES

Balões

Como funcionam as vacinas?

A partir do próximo dia 8 de junho, as crianças menores de cinco anos deverão comparecer ao posto de saúde mais próximo para tomar as gotinhas, vacina usada para combater a paralisia infantil. Minha mãe está se organizando para levar meu irmão para se vacinar nesse dia. Eu mesmo, quando era menor, tinha que tomar aquelas gotinhas amargas para ganhar um presente, como um balão ou um pirulito. Porém uma pergunta me veio a cabeça: Como umas simples gotinhas podem prevenir doença?

Fiz essa pergunta a minha professora de ciências. Ela disse que existe um sistema chamado pelos médicos de sistema imunitário, responsável em defender o nosso corpo de microrganismos invasores. Quando um invasor tenta invadir o nosso corpo, esse sistema irá produzir anticorpos que irão detonar o intruso. Geralmente ele vence essa briga, mas, quando perde, precisamos tomar remédios para se curar da doença.

Nesse momento, a professora me disse uma coisa que você não vai acreditar! O que tem dentro das gotinhas e injeções que tomamos são, nada mais e nada menos, que os vírus ou a bactérias capazes de causar a doença ao qual estamos querendo prevenir. Antes de irem parar no vidrinho que a enfermeira abre lá no hospital, eles foram mortos ou enfraquecidos, não sendo mais capazes de causar a doença.

Depois, eu, ainda mais curioso, perguntei como a injeção desses vírus fraquinhos podem nos proteger de uma doença. Ai a “profe” disse que, após injetá-los, o nosso sistema imunológico entra em ação, produzindo anticorpos necessários para detonar o vírus ou bactéria invasor. Assim, no dia em que esse microrganismo invadir nosso corpo de verdade, ele encontrará um monte de anticorpos que irão nos proteger e evitar que fiquemos doentes.

TAGS:
Comentários